Portal Uno Midias
Amazonas

Concurso público da Adaf tem validade prorrogada

Foi prorrogado por mais dois anos o prazo de validade do concurso público da Agência de Defesa Agropecuária e Florestal do Estado do Amazonas (Adaf). A autarquia já convocou aprovados para todas as 208 vagas previstas no edital. A prorrogação foi publicada na edição de 26 de maio do Diário Oficial do Estado (DOE).

Com as provas realizadas em dezembro de 2018, o concurso teve resultado final homologado no dia 11 de junho de 2019, e a primeira chamada de aprovados ocorreu em março de 2020. Os procedimentos para posse foram suspensos em decorrência da pandemia de Covid-19, sendo retomados em julho. Outras duas chamadas foram realizadas até o preenchimento das 208 vagas.

Em razão das limitações impostas pela Lei de Responsabilidade Fiscal, a nomeação dos aprovados somente foi possível mediante assinatura de um Termo de Ajustamento de Gestão (TAG) entre o Governo do Amazonas, Procuradoria Geral do Estado (PGE), Tribunal de Contas do Estado (TCE) e Ministério Público de Contas.

“A nomeação de todos os aprovados foi uma grande conquista para a Adaf, permitindo o fortalecimento de suas ações de defesa do patrimônio animal e vegetal e, consequentemente, contribuindo para a valorização dos produtos regionais, para o crescimento econômico do Estado e para a manutenção da saúde pública”, destaca o diretor-presidente da agência, Alexandre Araújo.

A prorrogação da validade do certame por dois anos passa a contar de 11 de junho de 2021 e vai permitir, em caso de vacância, a chamada de aprovados além do número inicialmente previsto no edital, obedecendo à ordem de classificação.

FOTOS: Arthur Castro/Secom e Divulgação/Adaf

CONTEÚDOS PATROCINADOS

RELACIONADOS

Programa Agro Amazonas fomenta a cadeia produtiva do açaí em Codajás

Redação Am

SSP inaugura Centro Integrado de Projetos e Centro Integrado de Estatística

Redação Am

Encerramento da primeira Conferência Estadual das Organizações e Povos Indígenas do Amazonas destaca etnodesenvolvimento

Redação Am
Sair da versão mobile