Portal Uno Midias
Internacional Video

Vídeo pesadão: VÍDEO: jornalistas afegãos são detidos e espancados pelo Talibã

Dois jornalistas afegãos foram espancados pelo Talibã após serem detidos quando cobriam um protesto pacífico de mulheres na capital Cabul, na terça-feira (7), que foi violentamente reprimido.

A ONU afirmou nesta sexta-feira (10) que ao menos quatro pessoas foram mortas no ato e denunciou que a resposta do grupo extremista a manifestações tem sido cada vez mais violenta, com o uso de munição real, cassetetes e chicotes no Afeganistão.

“Por cerca de 10 minutos, cerca de sete ou oito pessoas nos espancaram o máximo que podiam. Erguiam varas e nos espancavam com toda a força”, afirmou o jornalista Taqi Daryabi. “Depois que nos venceram, que viram que tínhamos desmaiado, nos levaram para nos trancar em uma cela”.

“Não importa o quanto eu tentei dizer a eles que eu era um repórter e não estava incitando a violência, eles não ouviram. Eles até zombaram de mim. Eles disseram ‘Você é um repórter? Você mostra esses protestos e os espalha?’. Eu apenas gritei”, relata o outro jornalista, Neamat Naghdi.

Jornalistas mostram ferimentos após serem espancados pelo Talibã em Cabul, Afeganistão. Foto tirada em 8 de setembro de 2021 — Foto: Etilaatroz/via Reuters

Jornalistas mostram ferimentos após serem espancados pelo Talibã em Cabul, Afeganistão. Foto tirada em 8 de setembro de 2021 — Foto: Etilaatroz/via Reuters

Zaki Daryabi, fundador e editor-chefe do jornal “Etilaat Roz”, onde os dois trabalham, compartilhou nas redes sociais as imagens das lesões: um deles ficou ferido com marcas largas e vermelhas na parte inferior das costas e das pernas e o outro, com marcas semelhantes no ombro e no braço.

Daryabi e Naghdi também ficaram com hematomas e cortes nos rostos e foram levados ao hospital.

G1

Related posts

Manifestantes de Cuba recebem sentenças de prisão

Jamil Maciel

Política de três filhos é confirmada com nova lei chinesa

Jamil Maciel

Vídeo: Marido pega mulher com amante no motel, “ela dizia que era solteira”, diz amante;

Redação