Portal Uno Midias
Bizarro Meio Ambiente Plantão Policial

Sucuri “Ana Júlia” morreu de causas naturais, aponta perícia

A sucuri batizada de “Anajulia” que foi encontrada morta no dia 24 de março, não foi morta a tiros, as causas da morte do animal foi natural, ela estava com aproximadamente 12 anos. 
O animal foi encontrado morto no Rio Formoso, próximo à Cachoeira Postal, na cidade de Bonito. Conforme o tenente Leonel da Polícia Militar Ambiental, não foram constatados fraturas no animal.

Sucuri "Ana Júlia" morreu de causas naturais, aponta perícia
Tomografia mostra que não tem marcas de tiros no animal (Foto Divulogação)

” A Polícia Civil concluiu que a morte foi natural, nenhum indício de morte por ação humana foi encontrada no animal. Mas preliminarmente já analisaram o crânio do animal e não encontraram nenhum sinal de abatimento. O que nos leva a descartar qualquer hipótese de infração ambiental”, finalizou o tenente. 

O documentarista, Cristian Dimitrius, recebeu a notícia pelos guias locais e com isso realizou a postagem na rede social lamentando ocorrido em Mato Grosso do Sul. Sendo assim, a equipe policial tomou conhecimento do caso, após, a postagem dele. Pois, começaram a receber algumas ligações referente ao ocorrido.

Diário Digital

CONTEÚDOS PATROCINADOS

RELACIONADOS

Policiais militares detêm homem com entorpecentes no Centro da capital

Redação Am

Vídeo: Homem é metralhado em plena luz do dia e tem massa encefálica espalhada

João Alves

PC-AM prende homem por furto e receptação de cabos de fibra ótica, avaliados em R$ 50 mil

Redação Am