Portal Uno Midias
Cidade

Prefeitura apresenta avanços na saúde básica de Manaus e propostas para a LOA de 2023

Prefeitura de Manaus realizou uma audiência pública, na manhã desta sexta-feira, 5/8, para apresentar os avanços obtidos pela Secretaria Municipal de Saúde (Semsa) a partir do Plano Plurianual (PPA) para os anos de 2023 a 2025. O evento também destacou a indicação das principais propostas para a Lei Orçamentária Anual (LOA) de 2023, obtidas por meio de uma consulta pública que contou com a participação de 239 trabalhadores e usuários do Sistema Único de Saúde (SUS).

A audiência foi realizada no auditório Deodato de Miranda Leão, na sede da secretaria, na avenida Maceió, bairro Parque 10 de Novembro, e conduzida pelo titular da Semsa, Djalma Coelho, e representantes de áreas técnicas. A discussão também foi transmitida ao vivo ao público em geral pelo Facebook da secretaria (Semsa Manaus).

“A audiência pública tem uma importância muito grande para mostrar o cumprimento das determinações legislativas, como também dar voz aos trabalhadores e usuários do SUS. Nosso intuito é fazer com que o PPA e a LOA sejam revisados e apresentados para que possamos construir juntos uma saúde básica de excelência para a população manauara, uma das prioridades da gestão do prefeito David Almeida”, disse o secretário Djalma Coelho.

Dentre os avanços, o titular da Semsa citou a ampliação da oferta de testes de Covid-19 durante a atual gestão, possibilitando diagnóstico precoce e quebrando a cadeia de transmissão da doença, assim como a oferta do tratamento adequado e acompanhamento de pacientes por meio do serviço de telemonitoramento.

As mulheres foram beneficiadas com a implantação inédita do Serviço de Diagnóstico de Mama (SDM), para identificação de novos casos de câncer de mama na rede municipal, iniciando o tratamento desses usuários em tempo oportuno para alcance da cura.

O subsecretário de Gestão Administrativa e Planejamento, Nagib Salem, informou que as ações propostas no PPA 2022 a 2025 foram desenvolvidas com foco na qualidade de vida dos servidores e na assistência ofertada à população. Ele destacou o compromisso da secretaria na realização do concurso que ofertou mais de 2 mil vagas e na construção e revitalização de mais de cem unidades de saúde, prevista para este ano.

“Os recursos que utilizamos nessas ações provêm da população e estamos mostrando que ele está sendo devidamente aplicado e retornando aos usuários. Neste ano, já entregamos unidades totalmente revitalizadas, inclusive na zona rural, e a proposta do prefeito David Almeida é que as unidades grandes, de porte 4, sejam o novo padrão da cidade de Manaus”, contou.

Nagib também ressaltou que a instalação de internet em unidades no Distrito de Saúde (Disa) Rural conectou os resultados obtidos nesse território diretamente com os sistemas do Ministério da Saúde.

A subsecretária de Gestão da Saúde, Aldeniza Araújo de Souza, apresentou os avanços da vacinação contra a Covid-19, que já alcança toda a população acima de 3 anos de idade; ampliação dos ambulatórios de tratamento ao fumante; ampliação da frota do SOS Vida; implementação do projeto de Autoexame de Pele Virtual em escolas públicas para investigação de casos de hanseníase; entre demais ações voltadas à promoção da saúde.

“A secretaria tem se dedicado para prestar assistência de qualidade extrapolando os muros das unidades de saúde, ou seja, indo a campo até as comunidades para facilitar acesso aos nossos serviços, se preocupando em estar junto e perto dos nossos usuários, seja para ofertar uma consulta ou um exame, seja para educar aquelas pessoas sobre como cuidar da sua saúde.

Reconhecimento

A subsecretária de Orçamento e Projetos da Secretaria Municipal de Finanças e Tecnologia da Informação (Semef), Karliley Karla Capucho, também participou da audiência pública e reconheceu os avanços obtidos pela Semsa na gestão do prefeito David Almeida.

“Só temos a agradecer a iniciativa da secretaria de promover essa audiência, porque também tratamos do planejamento orçamentário para os próximos anos. A Saúde é uma área tão importante para a população e que demanda muitos desafios, mas mesmo assim podemos constatar que vocês estão se dedicando bastante em entregar o resultado para nossos moradores e têm alcançado grandes conquistas, como se manter em primeiro lugar no ranking do Previne Brasil”, declarou.

O presidente do Conselho Municipal de Saúde de Manaus (CMS/MAO), Lindomar Cartilho Barone de Souza, esteve na ação representando o segmento dos usuários do SUS. Ele disse que também acompanha os resultados obtidos e destaca a participação popular da construção de uma saúde básica de maior qualidade.

“O controle social na elaboração desse planejamento é fundamental dentro do SUS para o avanço da assistência à população. A contribuição que demos por meio da consulta popular está sendo valorizada pelas áreas técnicas da Semsa e observamos que dessa forma iremos conseguir desafogar a demanda nas unidades e aprimorar o atendimento aos cidadãos.

Consulta pública

A consulta pública realizada pela Semsa entre os dias 27 de julho e 4 de agosto contou com a participação de 239 pessoas. A população indicou as prioridades em dois eixos de ação em saúde pública: “Investimento” e “Qualificação da Atenção Primária em Saúde e Vigilância em Saúde”.

No primeiro eixo, as ações consideradas mais necessárias foram: construção de UBSs (30,54%); construção de Caps (27,20%); e reforma e ampliação de UBSs (25,10%). No segundo, as ações mais votadas foram: implantação de farmácias distritais (62,34%) e ampliação do número de UBSs de horário estendido (19,25%).

RELACIONADOS

Autônomo realiza o sonho da casa própria ao se mudar para o Residencial Cidadão Manauara 2

Redação Am

CMDU fez análise de 283 processos para licenciamento urbano da Prefeitura de Manaus no semestre

Redação Am

Prefeito David Almeida destaca gestão de Sabá Reis durante despedida do ex-secretário da Semulsp

Redação Am