Portal Uno Midias
Notícias Corporativas

Projeto de IA Generativa é desenvolvido na área jurídica

Projeto de IA Generativa é desenvolvido na área jurídica
Projeto de IA Generativa é desenvolvido na área jurídica

A IA generativa, subcampo da Inteligência Artificial, tem se mostrado cada vez mais valiosa para diferentes segmentos de negócios, inclusive na área jurídica, auxiliando na otimização de tarefas e no ganho de produtividade de times multidisciplinares.

De acordo com uma pesquisa da Bain & Company, cerca de 80% dos executivos brasileiros consideram a inteligência artificial (IA) generativa uma prioridade de investimento nos próximos anos.

Investir em IA generativa já não é mais falar sobre futuro, mas sim sobre o presente, com diferentes possibilidades para incrementar processos, otimizar produtividade e potencializar os resultados.

Diante desse cenário, Paulo Silvestre de Oliveira Junior, especialista em inovação da Machado Meyer Advogados, escritório de advocacia, procurou pela Dataside, consultoria focada em dados, IA e negócios, para desenvolver uma solução a partir do Microsoft Azure OpenAI Service, o recurso de IA generativa da Microsoft, com o objetivo de melhorar a rotina dos colaboradores que fazem parte do escritório.

A solução proprietária desenvolvida, uma espécie de GPT focada nas necessidades específicas do negócio, proporciona ao escritório uma ferramenta robusta para apoiar os advogados em suas atividades.

Baseado na tecnologia disponível no Microsoft Azure OpenAI Service, o time de especialistas em IA e desenvolvimento da Dataside se uniu ao Paulo Silvestre, especialista em inovação para advogados, para garantir uma solução de IA Generativa capaz de potencializar os resultados do negócio a partir do aumento de eficiência e otimização de processos operacionais.

A ferramenta, hoje, é capaz de receber arquivos em diferentes formatos, permitir a consulta desses arquivos por meio de perguntas dentro um chat projetado de forma personalizada para atender às necessidades dos advogados, e ainda possibilita a tradução e revisão de arquivos que, muitas vezes, dependeriam de muitos dias para serem totalmente lidos e interpretados.

A introdução dessa solução baseada em GPT oferece uma série de benefícios significativos para profissionais do direito e suas equipes, incluindo:

  • Eficiência

Redução do tempo gasto em tarefas manuais e repetitivas, permitindo que os advogados se concentrem em atividades de maior valor agregado.

  • Precisão

A capacidade do GPT de analisar grandes volumes de dados com rapidez e precisão ajuda a evitar erros humanos e omissões.

  • Economia

Ao automatizar processos e aumentar a eficiência, essa solução pode levar a uma redução nos custos operacionais para escritórios de advocacia e departamentos jurídicos.

Ainda existem outros aspectos para observar: ética e responsabilidade

Embora a IA possa ser uma ferramenta poderosa, ela não substitui o julgamento humano e a experiência legal.

Os advogados devem usar essas soluções com discernimento e garantir que continuem a exercer sua diligência profissional ao aplicar os insights gerados pela IA.

Além disso, questões éticas relacionadas à privacidade e segurança dos dados também devem ser consideradas e abordadas de forma adequada para garantir a conformidade com as regulamentações legais vigentes.

Para saber mais sobre possibilidades de aplicação de inteligência artificial (AI) generativa nas empresas, basta acessar o site: www.dataside.com.br.

CONTEÚDOS PATROCINADOS

RELACIONADOS

Srijan, uma empresa de materiais, recebe prêmio Acquia 2023 Engage pela “integração de pilha de tecnologia mais impactante” para a experiência digital do INSEAD

DINO

Brazil-Florida realiza evento sobre transformação digital

DINO

Grande parte das indústrias adotam pelo menos uma ação sustentável nas operações

DINO