Portal Uno Midias
Educação

Propostas pedagógicas para 2022 são apresentadas para profissionais dos 61 municípios do interior do Estado

As 61 Coordenadorias Regionais de Educação, localizadas no interior do estado, receberam, nesta quinta-feira (20/01), por meio de transmissão ao vivo, o I Encontro Informativo das Escolas Estaduais. A atividade apresentou as propostas pedagógicas e curriculares do Ensino Fundamental e do Programa de Correção de Fluxo Escolar – Avançar, com orientação para os multiplicadores sobre o processo de socialização das informações para as equipes técnico-pedagógicas e professores da rede estadual de ensino do Amazonas. 

O encontro foi voltado para gestores, pedagogos, assessores pedagógicos e apoio pedagógico. E transmitido para todo o estado via Centro de Mídias de Educação do Amazonas (Cemeam).

De acordo com a diretora do Departamento de Políticas e Programas Educacionais (Deppe), Adriana Antonaccio, a ideia é apresentar uma nova proposta curricular do Ensino Fundamental e do Programa de Correção de Fluxo Escolar – Avançar. 

“Nosso intuito é alinhar os conteúdos dos estudantes do Ensino Fundamental com a Base Nacional Comum Curricular (BNCC), em consonância com o Plano Nacional de Educação, o Plano Estadual de Educação e o Referencial Curricular Amazonense (RCA), ou seja, nós buscamos trazer o protagonismo a esse aluno do Ensino Fundamental, para que ele seja um indivíduo mais capaz de tomada de decisões; e que ele possa se desenvolver de forma integral e transversal”, explanou Antonaccio. 


A coordenadora do Ensino Fundamental da Secretaria de Educação, Keylah Dolzanes, explica que este encontro é voltado para o diálogo com as equipes pedagógicas dos municípios do interior do Amazonas. “Ontem, nós conversamos com a equipe escolar da capital e, hoje, é a vez do interior conhecer e debater sobre esta matriz pedagógica, que vai nortear o ano letivo em 2022, e vai servir como base para o planejamento do que deve ser aplicado na sala de aula”, pontuou.

Para a coordenadora regional de educação de Novo Airão (distante 115 quilômetros de Manaus), Neliany Castro de Menezes, o evento sanou dúvidas e pontuou situações importantes.

“Foi um encontro muito proveitoso, principalmente por pontuar algumas situações que tínhamos dúvidas de como procederíamos, pois, como se trata de algo novo, é normal que surjam algumas incertezas. Outro ponto é a atenção voltada ao ‘Avançar’, pois é necessário que nós nos apropriemos do bojo do programa para que possamos explicar a toda comunidade escolar como é o processo dessa modalidade”, finalizou a coordenadora.

FOTO: Eduardo Cavalcante / Seduc-AM

RELACIONADOS

Secretaria de Educação convoca 52 candidatos aprovados no PSS para atuação em Manaus e no interior

Redação Am

Secretaria de Educação e Sejusc levam palestras sobre gravidez na adolescência às escolas de Manaus

Redação Am

Escola estadual da zona sul recebe novos condicionadores de ar, após sofrer um furto de aparelhos

Redação Am