Cidade

Menina de 10 anos faz aborto legal no AM.

A vó percebeu o franzino corpo da neta de 10 anos mudar, “parecia uma mulher grávida nos primeiros meses”. Dizia.

Inconformada com o comportamento da neta, a vó descobriu que realmente a neta iria ser mãe.

Diante da situação, um adolescente de 17 anos foi apontado como responsável pela gravidez.

O caso só chegou ao conhecimento da polícia no último dia 6 de novembro, e o garoto teve um mandado de internação por ato infracional análogo ao crime de estupro de vulnerável.

A menina, nervosa, pensativa e se sentindo tão embaraçada, abraçava a avô, como forma de se proteger. O olhar triste e caído, denunciava a inocência e a incerteza do que poderia acontecer.

“No mesmo dia, a criança foi levada para uma unidade hospitalar do município, onde realizou diversos exames que confirmaram a gravidez dela. Posteriormente, a menina foi encaminhada para um hospital em Manaus onde realizou o procedimento de aborto legal. Solicitei à Justiça pelo mandado de internação em nome do menor infrator e a ordem judicial foi expedida pela juíza Scarlet Braga, da 2ª Vara Criminal de Manacapuru”, explicou a delegada que acompanha o caso; Roberta Merly.

O fato aconteceu na movimentada Manacapuru, município localizado na Região Metropolitana de Manaus.

No dia do aborto, os responsáveis da criança de 10 anos estavam apreensivos, nos olhares haviam dor, revolta e lágrimas. E a menina apenas permanecia em silêncio.

Leia Também

Prefeito sinaliza intenção de compra de doses da vacina contra a Covid-19

Redação

Prefeitura de Manaus já revitalizou quase 180 metros de ponte e mantém ações preventivas em áreas de risco

William Amazonia

Prefeitura mantém serviços essenciais nos feriados de 5 e 7 de setembro

Redação