Justiça

Ex-prefeita que ostentava com o dinheiro da população é condenada a 7 anos de prisão

A ex-prefeita de Bom Jardim Lidiane Leite da Silva foi novamente condenada a prisão segundo decisão judicial publicada na terça-feira (24).

Segundo um site de notícias do Globo, Lidiane foi condenada a sete anos de reclusão, além de multa, por fraude em licitações e crime de responsabilidade, referente à apropriação de rendas públicas de contratos fraudados, conduta descrita no Decreto-Lei nº 201/67. A pena inicialmente deverá ser cumprida em regime semiaberto.

Humberto Dantas dos Santos, o Beto Rocha também foi condenado no mesmo processo a oito anos e três meses de reclusão e multa de 194 dias-multa, cada dia-multa no valor de dois salários mínimos vigente ao tempo do fato. A pena deve ser cumprida inicialmente em regime fechado.

Também foram condenados, os empresários Lindoracy Bezerra Costa e Jonas da Silva Araújo, a quatro anos e três meses de reclusão em regime semiaberto e 54 dias-multa, cada qual no valor de um salário mínimo vigente ao tempo do fato.

O empresário José Raimundo dos Santos, esposo de Lindoracy Costa, também foi condenado e teve sua pena de dois anos de reclusão convertida em prestação pecuniária no valor de 30 salários mínimos para entidade pública ou privada com destinação social, a ser indicada pelo juiz da execução, além da limitação de fim de semana.

Leia Também

Urgente: STF mantém eleição e Roberto Cidade continua como presidente da Aleam

Junior Ferreira

MP denuncia pais de adolescente suspeita de atirar e matar amiga

Junior Ferreira

Adolescente é apreendida novamente após zombar da Justiça nas redes sociais

admin