Brasil

Após apanhar de motoboy, ‘Jackie Chan’ é indiciado por três crimes

A Polícia Civil de Minas Gerais indiciou Rafael Junior da Costa Vieira por três crimes: embriaguez ao volante, disparo de arma de fogo e dano ao patrimônio público. Conhecido como Jackie Chan, ele é um dos rapazes que aparece em um vídeo apanhando de um motoboy em Ouro Branco (MG). As informações são do G1.

No vídeo, o motoboy é ameaçado por dois homens em uma lanchonete e reage. Após a confusão do último dia 12, Jackie Chan foi detido por suspeita de tentativa de homicídio, mas, o delito acabou descartado pela polícia.

“Foi ciúme de uma namorada, porém ele estava embriagado e enganou de pessoa. Esse motoboy não era o cara supostamente envolvido com a amásia do Jackie Chan e ele nada sabia do caso”, explicou o delegado Marcelo Fonseca Prado ao G1.

“O homem chegou na lanchonete com o comparsa, também embriagado. Eles discutiram e entraram em vias de fato. O motoboy bateu nos dois e, em seguida, pegou a motocicleta e saiu. Inconformado, Jackie pegou a arma de fogo em casa e voltou à lanchonete. Ele deu um tiro para o alto”, afirmou Marcelo.

Leia Também

Acidente com ônibus no interior paulista deixa dez mortos

admin

Brasil envia aviões da FAB para trazer brasileiros retidos no Peru

admin

Por ser delegado e instrutor de tiros, haviam 6 armas na casa de Bilynskyi; “A Namorada tentou tirar sua vida”

admin